Notícias

Concessionária instala cancelas extras e contrata seguranças para evitar que motoristas 'furem' pedágio


Brasil Net

Motoristas precisam esperar cancela abrir para chegar à cabine de cobrança

Foto: Reprodução/RPC
Seguranças estão ao lado das cabines orientando motoristas

Cabines do pedágio de Jataizinho, no norte do Paraná, ganharam cancelas extras. Agora, o motorista só consegue chegar à cabine de cobrança depois da nova instalação abrir. Além disso, seguranças particulares foram contratados para garantir a ordem . A concessionária diz que o novo sistema é para evitar que usuários deixem de pagar a tarifa.

O valor do pedágio de Jataizinho, localizado na BR-369, é o mais caro do estado. A tarifa para carros custa R$ 23,70 e para motos R$ 11,90. Os condutores que passam pelo trecho dirigem em pistas simples, a rodovia não é duplicada.

A novidade tem demorado o atendimento e preocupado os motoristas. O novo sistema de cobrança foi instalado em duas das quatro cabines manuais, mas a intenção da concessionária é instalar as cancelas na demais nos próximos dias.

Em todas as cabines, um informativo é entregue para quem passa pelo pedágio. O texto afirma que a concessionária adotou o novo sistema para cumprir a obrigação contratual de garantir a segurança de usuários e funcionários.

Perto da barreira, há um aviso para só avançar quando autorizado. Uma placa instalada quilômetros antes do pedágio também informa sobre a nova cancela.

Funcionários da Econorte e seguranças particulares sinalizam para motoristas esperarem. Dessa forma, só um carro se aproxima da cabine por vez.

Quem paga a tarifa mais cara do estado espera outro tipo de investimento.

Por meio de nota, a Econorte informou que a instalação de novas cancelas faz parte de um novo sistema de segurança para garantir mais conforto aos usuários com aumento de pessoal e melhoria da infraestrutura. O objetivo é evitar riscos aos usuários e também infrações de trânsito. Não pagar pedágio é uma infração grave que pode dar cinco pontos na carteira e multa de R$ 195,23.

 


Fonte: *Redação Cornélio Notícias, com informações do G1/PR
Novidades Faccrei



Comente utilizando seu facebook