Notícias

Implantação do colégio da PM em Londrina


O Capitão Saldanha do 18º BPM de C. Procópio assumiu o subcomando da instituição

Foto: Ilustrativa
O 2º CPM funcionará nas dependências do então Colégio São José

Na manhã de quarta-feira (29), aconteceu na Sede do 18º Batalhão de Polícia Militar, em Cornélio Procópio, uma coletiva com a imprensa local, ocasião em que o Capitão QOPM Juarez Saldanha Machado (foto), falou sobre a criação do Colégio da Polícia Militar em Londrina, onde assumirá o cargo de Subcomandante, sendo o Comando do Colégio assumido pelo Capitão QOPM Alfredo Euclides Dias Netto.

O 2º CPM (Segundo Colégio da Polícia Militar do Paraná) funcionará nas dependências do então Colégio São José, localizado no Jardim Leonor e até o dia 21/12 estarão abertas as inscrições para o processo classificatório para o ingresso no colégio.

As inscrições e o edital do processo podem ser acessados pelo link https://cpmlondrina.processoclassificatorio.com.br/ e também pelo site cpmlondrina.com.br para as vagas de 6º Ano do Ensino Fundamental e 1º Ano do Ensino Médio.

As aulas da base comum, num primeiro momento, continuarão a ser ministradas pelos professores já pertencentes à Secretaria Estadual de Educação e as aulas específicas que acontecerão no contraturno, como natação, equitação e música possivelmente por policiais militares. Também os alunos que frequentam o Colégio São José poderão continuar , se assim quiserem, nessa transição para o Colégio da Polícia Militar.

No total serão 120 vagas distribuídas para o Ensino Fundamental e Médio, sendo 50% das vagas destinadas aos filhos de policiais militares como também é feito no CPM de Curitiba. O não preenchimento dessas vagas preferenciais ocorrerá em reversão para as vagas de concorrência geral, conforme consta no Edital do Concurso.

O Capitão Saldanha que há 19 anos se encontra exercendo a profissão no 18º Batalhão deixa a unidade a fim de assumir a nova missão de Subcomandante do 2º Colégio da Polícia Militar do Paraná e aproveita a oportunidade para agradecer todos os Oficiais e Praças que trabalharam com ele nesse período, bem como a comunidade e a sociedade civil organizada que o auxiliaram de forma direta ou indireta na busca da melhoria da segurança pública do norte paranaense.


Fonte: *Redação Cornélio Notícias, com texto do Setor de Comunicação Social do 18º BPM




Comente utilizando seu facebook